Sunday, October 16, 2011

TOMAS TRANSTRÖMER

Ilha da Madeira - Setembro 2011

A Academia Sueca, em Estocolmo, acaba de atribuir ao poeta sueco Tomas Tranströmer o Prémio Nobel da Literatura de 2011.













Tomas Tranströmer





Em Portugal estão publicadas duas antologias. Uma delas chama-se "Vinte e um poetas suecos".


"O restaurante do peixe na praia, uma simples barraca, construída por náufragos.

Muitos, chegados à porta, voltam para trás, mas não assim as rajadas de vento do mar.

Uma sombra encontra-se num cubículo fumarento e assa dois peixes,
segundo uma antiga receita da Atlântida, pequenas explosões de alho."
do poema "FUNCHAL" de Tomas Tranströmer










"Embrenhamo-nos na multidão, somos empurrados amigavelmente, suaves controlos, todos falam, fervorosos,
na língua estranha."
do poema "FUNCHAL" de Tomas Tranströmer


"Uma bebida que borbulha nos copos vazios"
do poema "FUNCHAL" de Tomas Tranströmer